O Pau tá quebrando no PCdoB de Lauro de Freitas: Presidente renuncia, vereadora é a pivô

0
64

O afastamento de Ney Campello foi informado no Domingo à direção estadual. A Vereadora Luciana Tavares tem sido acusada por manter um comportamento prejudicial ao partido e os filiados estão sofrendo com o ego dos pecedobistas de linha de frente na cidade, acusam filiados do Partido no watsapp do Tribuna de Lauro de Freitas.

Situação desgastante a vereadora tem submetido o partido que não tem oportunizado filiados, militantes e nem os candidatos que a ajudou a ganhar a eleição colocando votos no cesto, na nova gestão. Luciana Tavares quer tudo somente para ela e o preço da nomeação de Uilson como secretario municipal passa por este acordo.

Uma verdadeira briga de egos protagonizado pela Vereadora contra o presidente Ney Campello, contra Marcio de Castro, de Adriano de Castro que são irmãos e fazem parte do diretório. É uma verdeira confusão criada pela edil do partido que deixa os militantes sem saber o que fazer e pra quem recorrer.

A Vereadora que quer tudo dado pela gestão Gramacho(PT) ao partido não deixa cumprir o que foi registrado em Ata, que ganhando com Moema e fazendo um vereador, todos os outros não eleitos estariam com um cargo na gestão. Filiados dizem que quem ver Luciana não imagina o quanto é dominadora nessas questões e acusam de terem se arrependido de ter uma vereadora com uma postura tão problemática quando o assunto é dividir.  A Confusão é grande, já que o partido tinha participação na gestão Márcio Paiva(PP) e filiados e candidatos a vereador foram obrigados a entregar os cargos e ficar 4 meses sem trabalho, apenas para satisfazer uma composição com o PT e eleger Moema Prefeita. O acordado e registrado em Ata não está sendo cumprido por impasse gerado pela Vereadora. Todas as decisões foram tomadas sem a minima satisfação aos candidatos a vereadores e filiados. A vereadora vetou a realização de reuniões aberta. A decisão da indicação do Secretário foi feita sem a concordância de todos. O que prevaleceu foi a briga de Luciana com o diretório e a indicação unilateral dela em torno do nome de Uilson, que foi coordenador de Campanha dela. Filiados rejeitam a decisão e Luciana é apontada como golpista pois o acordo em torno do nome de Uilson era que pelo fato dele ser o coordenador de Campanha dela, caso ela ganhasse ele seria o chefe de gabinete.

Só é contratado pela secretaria do PCdoB quem ela autoriza. Porém o mais impressionante é que Luciana Tavares mesmo no começo da campanha de Moema não colocou nenhuma foto e nada vinculado de Moema e Mirela, mesmo por que matinha acesa o acordo com o Prefeito, que investiu nela.

Filiados abordam que não entendem o por que de Moema Gramacho permitir o maltratos e deixar acontecer o que está acontecendo. Logo Moema que tem uma briga antiga datada de 2009 com Luciana e Uilson. O que está acontecendo está a margem da militância que não foi ouvida na escolha do Secretário.

Fato interessante: Nas rodas dos militantes pcedobistas Luciana Tavares é chamada de Luciana Neves. Pois Luciana ficava dizendo que Junior Neves era um Traidor, por que pegou a secretaria das mulheres e priorizou afamilia, colocou a irmã como secretária, e um departamento e não deu nada pra militância. o Contraditória, alegam, é que o prefeito vendo essas ações do vereador, deu a secretaria de Assuntos estratégicos para tentar contemplar os enganados por Junior Neves que saiu do partido sem comunicar. Agora Luciana faz pior. É Chicote e o cabresto nas mãos. Antes de apoiar Moema era reuniões e mais reuniões, agora ninguém conversa com ninguém. É tudo da Vereadora.

A vereadora é acusada ainda de ter comprado antes mesmo de ter recebido o primeiro salário, uma casa num condomínio fechado e de luxo em Buraquinho e de ter colocado um Aplique no cabelo e só liga para os seus.

Ney Campello entregou a direção do Partido ao Vice Presidente Guri, que ao se afastar alega não concorda com as práticas e que não aceita Luciana e Uilson fazerem o que querem: “O Partido está jogado aos poderes de uma Mulher que se diz comunista mas é uma Loba faminta.” “É um processo muito difícil para o desenvolvimento do Pcdob na cidade.” E finaliza seu afastamento afirmando que foi até onde pode, mas os seus valores éticos não o permitiu continuar, saio da Presidência e do diretório, continuo no partido, mas sem vinculo com a politica local.

Na verdade diante dessa situação estabelecida por Luciana Tavares e Uilson, tem por trás um acordo que pode ser mais um engodo, dado as práticas da gestora, que implanta uma gestão verticalizada; eles conseguiram fazer com que Olivia Santana acreditasse que o partido e a secretaria sob seus comandos em Lauro de Freitas ela terá uma votação expressiva para Deputada Estadual. Muitos afirmam que é um tiro no Pé.

O Pau está quebrando nas bandas comunistas sem prazo para terminar. Quem diria que a vereadora joga desse jeito…

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here