Decreto do Calote: Moema suspende pagamento de empresas que prestaram serviços e forneceram para Prefeitura e é chamada de Prefeita do Calote

0
38

Fato inédito a rejeição de diversos setores da cidade que não entendem aonde a prefeita Moema Gramacho quer chegar com tantos erros e equívocos. Recém empossada a Prefeita parece que não está muito disposta a resolver os problemas da cidade e age como se não fosse responsável pelos atos da Prefeitura Municipal, independente se de Márcio, de mané ou de Pedro. Moema é quem responde pelos atos institucionais.

Chamada de CALOTEIRA, suspendeu todos os pagamentos das empresas que forneceram para Prefeitura ano passado, quando deveria criar uma comissão para analisar cada caso. A Prefeitura não é a casa de Moema, nunca foi. Ato é irresponsável, dado a não observância de que pessoas sérias trabalharam e precisam receber.

Moema Gramacho fez o mesmo, porém de outra forma, em 2012, quando tentou eleger o seu melhor João. Deixou a prefeitura com uma divida milionária para a gestão seguinte, mas contou com um prefeito que assumiu e não mostrou pra sociedade o que ela fizera em seus oito anos. Moema, enquanto Prefeita demitiu milhares de pais e mães de famílias e não pagou as rescisões e mais, até quem fornecia quentinha ficou com o prejuízo.

Com um orçamento de mais meio Bilhão para este ano, a prefeita tenta justificar o calote temporário, com a desculpa de que o cenário econômico é isso ou aquilo. Quem quer pagar, paga. Não dá desculpas.

Diversas reclamações estão chegando a nossa redação de pessoas que não conseguem receber pelos serviços prestados por causa do decreto da Prefeita, chamado de Calote institucional. Segmento empresarial da Cidade passa a desconfiar da Gestão.

Lamentável esse decreto do Calote. Confira a seguir:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here